Nélson Júnior

Nome: Nélson Quirino Júnior (mas, nem perto da raiz genealógica do Claudinei Quirino);
Signo: Peixes, mas longe de ser um bacalhau;
Formação: Superior, mas ainda devendo pro Unitoledo;
Prato preferido: Fundo e cheio de feijão;
Viagem: Limite de Araçatuba com Birigui. Nossa: tirando aqueles dois reais que faltaram, o almoço no “Porcada” foi fera;
Do que mais gosta: Receber o pagamento;
Do que menos gosta: Ver que ele não da pra nada;
Perfume: Avanço. Depois que o Leonardo parou de fazer a propagando, o preço caiu barbaridade;
Uma mulher tem que: ser daquela que bate na mesa e diz: “Eu pago”;
Qualidade: Demoro, mas pago;
Defeito: Tem vezes que eu esqueço e não pago;
Diversão: Tela Quente;
Moda é: Camiseta de propagando com havaianas – pra dar uma de rico humilde;
Música: Franguinho na panela;
O que está ouvindo no momento: RR Soares;
Filme: "O pagador de promessas";
Livro: "Por Excelência”. Como minha mãe escreveu eu não precisei comprar;
Capital ou interior: Grande ABC – “Andradina, Bilac e Castilho”;
Pratica esporte?: Levantamento de copo;
Estilo de balada: Baile aberto de carnaval;
O que nunca deve faltar no seu guarda-roupa: a porta;
Uma marca: hematoma;
Um drinque: Barba de Grilo (pinga, pinga e um pouco de limão);
Um lugar preferido: Bar do Tião;
Carro: o meu;
Uma mulher: a minha;
Um cantor: Fagner;
Um gosto: Filar churrasco na casa do Betão;
Um vício: Cigarro, mas tem que ser da marca “Simidão”;
Um idioma: português (não é o da padaria);
Uma necessidade: vale e pagamento e empréstimo;
Um sentimento: sem comentários;
Uma incerteza: Quando vou pagar a Central Lar;
Uma luta: Livre;
Planos: Conseguir sair do SCPC;
Uma frase: “Devo não nego, pago quando puder”.

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista com especialização em Comunicação Social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).