"Outlander", um filme de tirar o fôlego

Sou um viciado em cinema. Mas gosto de assistir em casa para contemplar o som e a imagem. Investi meu suado salário nisso para desfrutar deste prazer e, por isso, sou paciente e espero sair em DVD.

Quando me apaixono por um filme é porque ele preenche três requisitos: tem uma história (trama) muito bacana, ótimos efeitos especiais e um final que possa amarrar tudo o que foi apresentado.

"Outlander - Guerreiro vs Predador", de 2008, estrelado por Jim Caviezel (que fez Jesus em "Paixão de Cristo"), é um desses longas que vale a pena assistir. Aluguei por acaso, na falta de opção. Acabou virando um dos meus prediletos!


É a história de um homem de outra galáxia que cai na terra, em plena idade média, em uma aldeia de vikings, caçando uma criatura que é uma mistura de Predador com Godzila.

E para dar um tchan a mais, ele perde suas armas de raios e é obrigado a usar espadas e lanças, como os nativos.

Os efeitos são demais! A história também! E o final é muito lindo, com a narração da mocinha, interpretada por Sophia Myles. Ao final, levantei do sofá e aplaudi.

Uma boa dica para o seu fim de semana!

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista com especialização em Comunicação Social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).