Corrija problema com fontes no Firefox 5

Depois de utilizar o Firefox por anos, praticamente desde o seu lançamento, fui obrigado a abandoná-lo na versão 4. É que o navegador da Mozilla melhorou tantas coisas que acabou prejudicando uma das mais simples: as fontes.

Em vários sites, os textos ficam mais encorpados. Muito usuário nem percebeu, mas quem trabalha diariamente com um portal de notícias como eu, uma fonte maior significa título em três linhas quando deveria estar em duas, por exemplo. Resumindo: fica fora do normal.

O problema não acontecia até a versão 3.18. Também não há problema no IE, inclusive o 9, nem no Chrome 12.

Então, com muita dor no coração, mudei de browser e assumi o Chrome, que é muito bom, mas não tem facilidades de navegação pelo histórico por palavras-chave no teclado, algo que estou muito acostumado, não permite que arraste uma imagem diretamente para o Photoshop e nem abre os favoritos com um simples Ctrl+b.

Mas não desisti de procurar uma solução para o navegador da raposa, meu xodó. E encontrei!

Pelo que entendi em minhas pesquisas, a versão 4 faz o navegador ter uma performance melhor na renderização das páginas porque tem aceleração gráfica por Direct2D nativa. E isso interferiu nas fontes apresentadas pelo Firefox.

Quando chegou a versão 5, corri para ver se o problema havia sido solucionado, mas nada. Então, há apenas uma forma: mudar a configuração interna do navegador. Não percebi qualquer alteração na performance nem em nada depois de feito, e resolveu o problema.

No botão laranja do Firefox, clique em "Opções" e depois em "Avançado". Na aba "Geral", desmarque a opção "Quando disponível, usar aceleração por hardware". Clique em "OK". Feche o navegador.  Quando abrir, não há mais fonte diferente dos outros navegadores.

Se quiser fazer da forma mais difícil, na barra de navegação digite about:config. Pesquise por gfx.direct2d.disabled. Dê um duplo clique nele para defini-lo como "true". Pronto. Feche o navegador.

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista há 30 anos, com especialização em comunicação social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).
Saiba mais sobre o autor.