Não, o Facebook não é só seu!


A rede social mais popular do Planeta foi criada, teoricamente, para fazer amizades. Seguindo essa premissa, o Facebook vive indicando pessoas para que adicione como "amigo". Mas o que muita gente consegue mesmo é espantá-los de seu espaço virtual, principalmente quando acredita ser dono do mural.

Não, o Facebook não é só seu! É uma comunidade em que um depende do outro para haver interatividade e compartilhamento de informações. Caso contrário, vira um deserto on-line, onde ninguém lê o que escreve.

Reflita comigo: você recebe visitas em sua casa e tenta fazê-las se sentir à vontade, como manda a boa educação. Prepara comes-e-bebes, mostra coisas bacanas que possui. Se for dormir, então, é capaz de oferecer a própria cama e ficar em um colchão.

Então, por que no Facebook muitos esquecem tudo isso e agem com uma falta de educação tremenda, postando aberrações, emporcalhando o mural dos amigos e depois ficam gritando que o espaço é seu e que quem estiver incomodado deixe de ser seu amigo?

Na sua casa, na vida real, pessoas educadas não fazem isso. Você não diz o que quer e avisa ao visitante que se ele estiver incomodado vá embora. Pelo contrário! Não fica, por exemplo, dizendo toda hora que ama tal time, obrigando o visitante a ver uma coleção de bandeiras, mensagens de idolatria, etc. Isso é um saco, real ou virtualmente falando.

Não se esqueça que quando age assim no Facebook, nervoso porque alguém teve a audácia de reclamar de alguma coisa que postou, por exemplo, está desrespeitando também amigos que não têm nada a ver com isso.

É preciso seguir regras de etiqueta em qualquer lugar. Não é porque está na frente de um computador que pode dar uma de valentão de monitor e ir atacando a tudo e a todos.

Não se esqueça que muitas empresas vasculham o seu Facebook para saber como você é na vida virtual. Não adianta nada entregar um currículo cheio de coisas boas se nas redes sociais vive desrespeitando o espaço de outras pessoas, sendo agressivo ao extremo, impondo sua visão sobre alguma coisa.

Isso quer dizer que o seu relacionamento em equipe é péssimo...

Não, o Facebook não é só seu! Respeite as pessoas. Se achar que alguém o incomoda, simplesmente desfaça a amizade virtual, sem alarde, sem gritaria.

Você já ouviu falar em cultura de paz? Pesquise a respeito. Pode ajudar muito, até no Facebook.

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista com especialização em Comunicação Social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).