Como escolher um computador para comprar


Uma das perguntas que mais ouço dos amigos é qual a configuração correta para um novo computador. A maioria quer uma máquina para navegar na internet e sempre alega que não precisa ser algo muito potente.

Sempre respondo que é preciso pensar melhor, pois as tecnologias mudam rapidamente. Assim, é preciso ter um PC bom para não reclamar de lentidão quando for ver um filme, por exemplo.

Há algum tempo, o ideal seria ir a uma loja de informática e encomendar sua máquina. Se você conhece bem o que quer e é exigente, isso ainda é o ideal, mas já existem bons computadores em lojas de varejo, como as Casas Bahia - este post não é propaganda de nada, nem foi pago por ninguém; são apenas dicas de ajuda.

Comprei o meu lá - nas Casas Bahia - e estou feliz. Apenas fiz alguns ajustes. Se quiser comprar em outras lojas, como Americanas, Magazine Luiza, é uma opção sua. Na minha cidade, como há loja real das Bahia, optei por ela pelo preço mais baixo e prestações sem juros no cartão, sem contar a pronta entrega - não preciso ficar esperando chegar.

O primeiro passo é ficar atento com o processador. É o cérebro da máquina e vai agilizar seu serviço. Não escolha nada abaixo de um Core i3. O ideal é o i5. Esta parte do micro funciona como uma rodovia. O i3 tem três pistas para passagem do tráfego, por isso é mais rápido. O i5, então... Se tiver mais dinheiro, vá direto ao i7.

Veja, a seguir, a memória. No mínimo 4Gb. Esta é a parte que permite trabalhar com vários programas ao mesmo tempo, incluindo arquivos sempre em movimento do seu sistema operacional (Windows, na maioria). Se encontrar com mais de 4Gb e puder pagar, melhor ainda. Já existe placa-mãe que suporta 8Gb

O próximo item, o HD, pode ser de 500Gb. É o ideal. Se achar com 250Gb não há problema, se você não guardar coisas demais nele.

O monitor também deve ser levado em conta. Prefira os de LED ou LCD com mais de 18 polegadas. É a melhor opção. Se achar e puder pagar acima de 20, melhor ainda.

Conheço muitas pessoas que levam em consideração a marca do computador. Eu mesmo tenho um Positivo, que é nacional, e não tenho do que reclamar.

Quando comprei meu último computador, levei na autorizada e pedi para instalar uma placa de vídeo de 1Gb. Esta placa permite que você veja vídeos e fotos com mais qualidade - ou execute video games com gráficos mais parrudos - sem usar a memória do seu computador. E permite também instalar um monitor que aceite entrada DVI - o cabo tem conexões brancas e não azuis como os RGB tradicionais, o que oferece muito mais qualidade. Hoje existem também placas com saída HDMI, com alta definição.

Por ter instalado esta placa de 1Gb, precisei trocar também a fonte de alimentação. É a peça que controla a entrada de energia. A original não aguentava este recurso.

E uma dica muito importante: nunca use computador sem um estabilizador de energia. É um equipamento comprado à parte que controla as variações de energia elétrica de sua cidade. Sem ele, seu computador pode queimar peças e até dar choque.

Se puder, compre uma haste de cobre para servir de aterramento - é encontrada em lojas de material de construção. É fácil de instalar. Basta fazer um buraco no chão - use broca para laje - ao lado da tomada onde vai ligar o estabilizador e enfiar a barra na terra, deixando apenas uma ponta para fora, onde vai ligar o fio neutro da tomada de três pontas. Se tiver medo ou dúvidas, consulte um eletricista.

Resumindo:

- Computador com no mínimo processador i3;
- Memória de 4Gb;
- HD de 500Gb;
- Monitor de LED ou LCD acima de 18 polegadas;
- Compre à parte uma placa de vídeo de 1Gb se quiser algo mais avançado. Se fizer isso, troque sua fonte de alimentação por uma mais potente.

Estas recomendações (processador, memória e HD) também valem para notebooks.

Dúvidas? Deixe um comentário. Gostou? Compartilhe com os amigos!

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista com especialização em Comunicação Social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).