Por que o eleitor adora defecar nas urnas?


povo brasileiro é especialista em duas coisas: reclamar da vida, colocando a culpa nos políticos safados, e a cada eleição colocar um monte desses tranqueiras no poder. A maioria não acompanha o mandato dos seus candidatos e ainda reclama que a imprensa pega no pé porque faz este serviço.

Depois, na época das eleições, corre lá na maquininha e dá seu voto para um fanfarrão que lhe ajudou com qualquer coisinha. Acha que é uma forma de retribuir um favorzinho deixando o tranqueira quatro anos no poder.

O sujeito (ou a sujeita) não faz nada, enche o serviço público de apadrinhados e ainda defende o Executivo com unhas e dentes quando deveria fiscalizá-lo, no caso do Legislativo.

Entre esses eleitores cagões, que adoram defecar nas urnas e ajudar a transformar nossa política numa grande latrina, estão aqueles metidos a sabidões. Para protestar, votam em Tiriricas ou qualquer outra bizarrice que aparece.

O resultado desse "voto de protesto" todo mundo conhece. Para lembrar dos mais recentes, houve o Dr. Enéas Carneiro. Com aquele barbão e óculos enorme, gritava nas propagandas como se fosse um valentão que mudaria tudo ao ser eleito. Virou deputado federal e parecia um cordeirinho entre os lobos durante o mandato. Um fiasco!

Recentemente, fizeram a mesma coisa com o humorista Tiririca. Recebeu votação histórica. E depois? Nada! É mais um "representante do povo" que, como dizia meu saudoso pai, "não vale a comida que come". E nesta eleição, tenha certeza, outros surgirão.

Enquanto o brasileiro agir assim, não haverá mudança.

Votar no candidato só porque é vizinho, parente ou amigo não é votar, é se anular. Enquanto você dá uma ajudinha, achando que tenha um "conhecido influente", o cara ganha o dele sem nem olhar para seu bairro. Não está nem aí para sua amizade!

E toda eleição estes espertos contam com isso. Deixam obras apenas para esta época e dormem em berço esplêndido nos anos restantes. Não importa o que ele fez com seu dinheiro, se foi desonesto. Basta tapar um buraco na rua, dar uma cesta básica, que o eleitor se derrete todo e acha que foi privilegiado...

Santa ignorância, Batman!!! Tenha vergonha e seja um eleitor de verdade, não mais uma marionete na mão desses trastes que infestam nossa política.

Se o candidato tenta a reeleição, procure saber o que ele fez, não se contente com suas mentiras no horário eleitoral - vereador, por exemplo, não faz obra nenhuma, mas mesmo assim fica alardeando isso. Se o candidato que pretende votar é um novato, tente saber um pouco dele. Não se contente apenas em conhecê-lo.

Acabe de uma vez com essas ajudinhas! Seja eleitor de verdade, pense no seu bairro, no seu Estado, no seu País. É fácil reclamar da vida. Faça sua parte que ela melhora! Ou então continue lamentando...

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista há 30 anos, com especialização em comunicação social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).
Saiba mais sobre o autor.