13 de setembro: Dia do Baralho


A Copag, uma das pioneiras na fabricação de baralhos no Brasil, criou o Dia do Baralho e fez uma campanha de marketing para divulgar a data. E o Blog do Zemarcos foi um dos convidados. Assim, divulgamos abaixo o texto da assessoria da empresa sobre um dos produtos mais usados em jogos.

 Baralho especial distribuído pela Copag para marcar a data 
Opção de lazer confiável para quem quer se divertir sozinho ou em grupo, o baralho tem origens incertas. Há quem defenda que o seu surgimento foi na China e quem acredite que ele tem origem árabe. De qualquer forma, a popularização do baralho como jogo se deu na Europa no século 14. No século seguinte, a invenção de processos de impressão e fabricação de papel fez com que ele se espalhasse por vários países.

Hoje, o baralho é um meio de diversão que se multiplica: uma infinidade de jogos diferentes podem ser inventados e apreciados pelos amantes das cartas. Além disso, existem baralhos que fogem deste padrão de números e naipes: os chamados cards, por exemplo, usam personagens populares e dão origem a vários jogos diferentes.

As cartas de baralho são feitas de papel grosso, cartolina, cartão ou plástico, com um lado estampado chamado de face e o outro num padrão comum a todas as cartas de cada baralho de modo que se esconda o valor. A quantidade de cartas mais comum é de 52, baseada no baralho inglês (sem contar as cartas extras chamadas de curingas), divididas nos quatro naipes franceses, com cada naipe contendo cartas numeradas de 2 a 10, e as cartas figuradas ás (A), valete (J), dama (Q) e rei (K).

JOGOS
Você sabe jogar pôquer? E buraco? Truco? Estas são as modalidades de baralho mais populares no Brasil, mas existem ainda outras que também garantem horas de diversão.

O pôquer é a forma mais popular de jogo de baralho em todo o mundo. Com vários modos diferentes de ser jogado, é o que mais precisa de sorte e domínio das próprias jogadas para vencer. É quase sempre associado a cassinos, já que é um dos mais populares jogos disputados nestes estabelecimentos. Existem variantes de pôquer, como o fechado, aberto, o Texas Hold'Em e vários outros.

O buraco, também conhecido como canastra, é para ser jogado em duplas ou individualmente. São usados dois baralhos completos, com a opção de se utilizar curingas. Trata-se de um jogo de acúmulo de pontos, com o vencedor sendo aquele a obter mais. Os jogadores tentam formar "canastras", que são sequências numéricas com as cartas.

O truco é um dos mais populares entre os jovens, e em seu início era jogado com o baralho espanhol. Outro favorito entre os amantes do baralho é o mau-mau, que pode ter até dez jogadores na disputa.

FIGURAS DO BARALHO
Pouca gente sabe, mas existem personalidades da história por trás das figuras que estão nas cartas. Os reis, rainhas e valetes de cada naipe são inspirados em pessoas de verdade e foram criados em forma de homenagem. Só que ainda há controvérsia a respeito de algumas destas associações: faltam evidências para sustentar as origens.

O Rei de Espadas é uma homenagem ao rei Davi, do Reino de Israel. Já o Rei de Copas é objeto de debate. Pode ser uma alusão a Carlos Magno ou o rei Carlos 7º da França. O Rei de Ouros é baseado no imperador Júlio César. Por fim, o Rei de Paus é inspirado em Alexandre, o Grande.

A Rainha de Espadas é feita em homenagem à deusa grega Atena. A Rainha de Copas é baseada em Judite, da Bíblia católica. Quanto à Rainha de Ouros, há indeterminação se é realmente inspirada em Raquel, mulher de Jacó. Já a Rainha de Paus é baseada na deusa Argia, mãe de Argus.

Os valetes têm suas inspirações em cavaleiros notáveis da história. O Valete de Espadas é baseado em Holger, o Dinamarquês, um dos soldados de Carlos Magno. O Valete de Copas é inspirado em Étienne de Vignolles, colega de batalha de Joana d’Arc. O príncipe troiano Hector foi a inspiração para o Valete de Ouros. Por fim, há dúvida a respeito da origem do Valete de Paus: pode ser tanto Judas Macabeu como sir Lancelot.

A COPAG
Fundada em 1908, a Copag foi uma das pioneiras na fabricação de baralhos no Brasil. Foi idealizada pelo gráfico Albino Gonçalves e se chamava então Companhia Paulista de Papéis e Artes Gráficas. Neste início, estava focada em produtos de papelaria. A partir de 1918, passou a produzir baralhos por técnica litográfica. Em 1930, iniciou a utilização de impressão offset e tornou-se líder no ramo no Brasil.

Hoje, os baralhos Copag podem ser encontrados em todo o mundo. No Brasil, a Copag conta com um amplo portfólio de produtos, que inclui também jogos infantis e cartas personalizadas.

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista com especialização em Comunicação Social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).