Estava escrito...


Misture a história muito triste de um menino favelado com violência, amor e um programa de TV que pode transformá-lo, já adulto, em um milionário. Essa é a maravilhosa trama de "Quem quer ser um milionário?", que acabei de assistir em DVD e não resisti em compartilhar o que achei aqui no blog.

Uma palavra pode definir o longa indiano com atores locais, pouca verba e que simplesmente faturou oito Oscars neste ano: emocionante!

Desde o resultado da premiação da academia, fiquei muito curioso. Como um filme indiano pode receber as maiores premiações em um país como os Estados Unidos, especialista em superproduções? Simplesmente, faturou as estatuetas de melhor filme, diretor, roteiro adaptado, fotografia, mixagem de som, edição, trilha sonora original e canção original.

"Quem quer ser um milionário?", ou "Slumdog Millionaire" (em português, algo como "Favelado Milionário"), conta a história de Jamal, seu irmão, Salim, e a amiga Latika. Três favelados que se tornam órfãos e sofrem muito desde pequenos.

A fotografia é linda; a edição, perfeita; o final, emocionante; a dança na estação ferroviária ficou demais! Enfim, tenho apenas elogios a esta produção indiana maravilhosa. Assista! Você não vai se arrepender!

Na foto no início deste post, Jamal está preso dentro de um banheiro. Ele arranja uma forma muito, digamos, fecal, para fugir de lá. É uma das cenas mais cômicas do filme.

Abaixo, o trailer, com legendas:


É claro que não poderia me esquecer da música tema do filme, que também ganhou Oscar!

"Jai Ho (You Are My Destiny)" foi regravada pelo grupo The Pussycat Dolls e ficou mais bonita ainda! E as meninas repetem uma das cenas do filme no clipe, com o indiano A. R. Rahman, que gravou a original, falando várias vezes o refrão "Jai Ho" (Algo como "Vitória para ti", em português), que fica gravado na sua cabeça.

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista há 30 anos, com especialização em comunicação social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).
Saiba mais sobre o autor.