Tributo a Patrick Swayze

O mundo amanheceu um pouco mais triste hoje por causa de mais uma batalha perdida para o câncer, essa doença maldita! Desta vez foi o ator Patrick Swayze, com 57 anos.


Ele lutou durante dois anos, atacado no pâncreas. Conseguiu, inclusive, protagonizar a série série dramática "The Beast", transmitida pelo canal A&E, seu último trabalho. Aliás, trabalhava com dor, porque não podia tomar seus remédios, senão o efeito colateral o prejudicaria na interpretação.

Quando o Márcio Bracioli me deu a notícia da morte, ontem, pensei logo na Gigia Ábrego, uma fã incondicional do filme "Dirty Dancing — Ritmo Quente", sucesso com o ator em 1987. Ela já assistiu mais de 30 vezes... Sinto muito, Gi...

Aliás, o tema deste filme é "(I've Had) The Time Of My Life", o que em português significa "(Eu tive) o melhor momento da minha vida". E talvez tenha sido mesmo seu melhor momento, marcando uma geração.

Sem contar o próprio cantor interpretando "She's Like de Wind" no mesmo filme. Sim, ele cantava também... E muita gente não sabia...


É possível não lembrar de "Ghost — do Outro Lado da Vida", de 1990, em que Swayze interpretava um fantasma? "Agora, ele está realmente do outro lado da vida", brincam os fãs, com humor negro.

É possível não se emocionar com o tema do filme, "Unchained Melody"? Com a cena da moeda, a Demy Moore levantando a cabeça e uma lágrima caindo? Da cena dos dois se despedindo, no final?

Impossível não lembrar... Impossível não se emocionar revendo tudo isso... Agora, ele descansa em paz. Saudades...

O blogueiro José Marcos Taveira, ou Zemarcos, é jornalista há 30 anos, com especialização em comunicação social. Mora em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo (Brasil).
Saiba mais sobre o autor.